post_2021_04_28_03

A Petrobras (PETR3; PETR4) produziu em média 2,77 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d) de petróleo, gás natural e líquido de gás natural (LGN) no primeiro trimestre de 2021. Foi um número 3,1% acima do registrado no quarto trimestre de 2020 e 5% abaixo do mesmo período do ano de 2020.

Segundo a companhia, a queda em relação ao primeiro trimestre de 2020 se deveu aos desinvestimentos concluídos ao longo de 2020 e início de 2021 e ao declínio natural de produção, que teve uma média de 11% nos projetos que já atingiram o seu pico de produção e entraram na fase de declínio.

“Devido ao agravamento da pandemia observado no 1T21, diminuímos novamente o efetivo das nossas plataformas e adotamos um regime diferenciado de embarque visando reduzir o fluxo diário de pessoas com a consequente mitigação do risco de contaminação e do impacto nas nossas operações”, destacou a estatal.

A produção no pré-sal atingiu 1,9 milhões de boe/d no primeiro trimestre de 2021, o que representou 69% da produção total da Petrobras no período, fatia maior que os 63% que o pré-sal representava no primeiro trimestre de 2020.

De acordo com a empresa, a produção nas plataformas do campo de Búzios aumentou 14% devido principalmente à maior eficiência e à estabilização das unidades.

 

Fonte: InfoMoney

Escrito por:

A Recomenda Ações e seu blog preza pela qualidade da informação e atesta a apuração de todo o seu conteúdo produzido pela equipe, ressaltando, no entanto, que não faz qualquer tipo de recomendação de investimento, não se responsabilizando por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.

O Blog se faz apenas para fins informativo.